terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Não se Afaste de mim óh Deus!


Estes últimos dias tenho pensado muito sobre como Deus é importante pra mim e me lembrei de um acontecimento na vida de Jó.


“Então Jó se levantou, e rasgou o seu manto, e rapou a sua cabeça, e se lançou em terra, e adorou.
E disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o SENHOR o deu, e o SENHOR o tomou: bendito seja o nome do SENHOR.” Jô 1: 20, 21

Estamos vivendo dias em que muitas coisas têm tomado o lugar de Deus em nossas vidas e em nossas igrejas.
Estive pensando na minha vida e cheguei à conclusão que tenho que amadurecer ao ponto de pensar como Jó.
Não importa o que aconteça o meu desejo tem que ser sempre estar com o Senhor.
O Senhor através de sua infinita misericórdia me capacitou com o dom da música e esses últimos dias tenho pensado muito se alguma coisa me acontecesse e eu perdesse ou parasse de usar este dom.

Como seria a minha vida se parasse de tocar? O que seria de mim?

Foi aí então que me lembrei desta passagem do livro de Jó.
Jó perdeu de uma hora para outra bois, jumentos, camelos, ovelhas, empregados e seus filhos e filhas.

E qual foi à atitude de Jô?

Rasgou seu manto, raspou sua cabeça, se prostrou com seu rosto em terra e adorou ao senhor dizendo:

“Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o SENHOR o deu, e o SENHOR o tomou: bendito seja o nome do SENHOR.”

Esta tem que ser a minha atitude, a mesma atitude de Jó, reconhecer que tudo o que eu tenho é e vem do Senhor, por isso Ele tem o direito de dar e tirar a hora que Ele bem entender, e aminha parte é fazer como Jô simplesmente adorar a Deus por aquilo que ELE é e não por aquilo que Ele pode me dar.
Jó quis dizer com esta atitude que tudo o que ele precisava para viver era a presença de Deus, não importando se teria ou não bens ou dons, pois a graça do Senhor é tudo que ele precisava.

“Mas o Senhor me disse: Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza” 2 Cor 12: 9

Como também disse Davi no salmo 51 “não me lances fora da tua presença e não retires de mim o teu Espírito”, assim tem que ser a minha oração.

Senhor não importa o que aconteça, mais uma coisa eu te peço, que o Senhor nunca se afaste de mim e nem me lances fora da tua presença, pois eu não poderia viver sem Ti, mesmo que retirar os seus dons de mim não se retires de mim, pois nu vim ao mundo e nu sairei dele, tudo o que tenho é teu Senhor.

Sem os dons eu até conseguiria viver mais sem Ti seria impossível viver.

Luís Antonio Ramos

2 comentários:

Coração Missionário disse...

Amado que bom ler essa postagem e ver em vc o trabalhar do Espírito e o entendimento que realmente dependemos de Deus.Aleluia!
Estou seguindo seu blog.
Linka o meu e vamos parender mais de Deus.
Fica na paz
Sua Serva e irmã em Cristo

Thaty nogueira disse...

O que fazer sem DEUS em nossas vidas? Realmente dependemos da Sua presença em nós... talentos e dons, nada disso importa.
Porque Dele e por Ele e para Ele são TODAS as coisas!